Entre os rios Mekong e Khang, desabrocha essa bela cidadezinha de ares coloniais com 16 mil habitantes. Antiga capital real do Laos, é patrimônio da Unesco e conserva 32 dos 66 templos anteriores à chegada dos franceses, bem como o antigo palácio, hoje transformado em museu. O mercado noturno encanta e o ritual do Tak Bat faz com que os monges percorram o vilarejo todas as manhãs.